Radar da Pneumologia

Dia Mundial da DPOC: tosse com expectoração não é normal

novembro 16, 2016 • Por

2

A Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC) é uma condição que leva à diminuição da função respiratória e à mudança do tecido pulmonar.

“As pessoas acham que é mais ou menos ‘normal’ ter tosse ou bronquite. Ter tosse com expectoração não é normal. Não conseguir subir as escadas de uma vez por causa do cansaço e respiração ofegante não é ‘normal’. Esses sintomas podem ser sinais de DPOC e têm que ser analisados”, observa o pneumologista Dr. João Cardoso, diretor de Pneumologia do Hospital de Santa Marta, em Lisboa.

Segundo ele, a tosse persistente, que dura cerca de três meses, associada a cansaço ou falta de fôlego é motivo suficiente para procurar um médico e realizar o exame de espirometria, que mede a função pulmonar.

Pacientes com DPOC apresentam menores níveis de oxigênio no sangue, o que pode causar falência de órgãos e perda da qualidade de vida. No entanto, o tratamento com medicação inalatória pode melhorar a qualidade de vida do paciente, desacelerar a progressão da doença e prevenir possíveis infecções respiratórias.

Deixar de fumar é essencial para combater a doença, já que entre 10% e 15% dos fumantes, em média, já têm ou irão desenvolver DPOC.

Fonte: Notícias ao Minuto.