SBPT na mídia

Criança morre após inalar desodorante aerossol

fevereiro 9, 2018 • Por


Substâncias químicas inaladas por Adrielly Gonçalves, de sete anos, podem ter causado irritações nas mucosas das vias aéreas, como explica o pneumologista Alexandre Cardoso, da Comissão de Infecções da SBPT.

Em entrevista ao jornal SPTV 2ª edição, o Dr. Alexandre Pinto Cardoso, professor da UFRJ e membro das Sociedades Brasileira de Pneumologia e Tisiologia (SBPT) e Estadual do Rio de Janeiro (SOPTERJ) explicou quais são os possíveis sintomas da intoxicação causada pelo desodorante: irritação local, tosse e reação alérgica grave provocam o fechamento das vias respiratórias.

De acordo com os familiares da criança, pode ser que a menina tenha visto este procedimento em vídeos na internet, no chamado “desafio do desodorante”. Assim, como o desafio de “comer uma colher de canela”, inalar desodorantes aerossóis pode impedir que o oxigênio chegue aos pulmões, o que tem consequências gravíssimas para a saúde e pode levar à morte.

Confira a matéria completa do SPTV.